De mãos estendidas

Salete
De mãos estendidas, ofertamos,
o que de graça recebemos.
(Bis)

1. A natureza tão bela, 
que é louvor, que é serviço, 
o sol que ilumina as trevas, 
transformando-as em luz. 
O dia que nos traz o pão, 
e a noite que nos dá repouso.
Ofertamos ao Senhor,
o louvor da criação.

2. Nossa vida toda inteira 
ofertamos ao Senhor, 
como prova de amizade, 
como prova de amor.
Com o vinho e com o pão,
ofertamos ao Senhor 
nossa vida toda inteira, 
o louvor da criação.

Áudio | Partitura